sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Filmes: Parto Orgásmico e O Aborto dos Outros

Parto Orgásmico

(Orgasmic Birth) de Debra Pascali-Bonaro.

Documentário. Estados Unidos, 2007. 87min.

Desafiando o mito de que é doloroso e perigoso por natureza e deve ser deixado nas mãos dos médicos, o filme mostra as potencialidades emocionais, espirituais e físicas do parto. Acompanhamos de forma íntima onze mulheres que num trabalho de dar a luz o mais natural possível, gemem, beijam, riem e até gozam. O depoimento de vários especialistas no assunto, médicos e parteiras, junto com as mães, comprovam que estatisticamente esta é uma forma de parir mais saudável e mais segura, tanto para a mãe quanto para o bebê.


O filme será exibido aqui em Porto Alegre no dia 11/10/08, sábado, às 10 horas da manhã, na Sociedade Italiana do Rio Grande do Sul (Rua Gen. João Telles, 317).

Ingressos SOMENTE antecipados com zezedoula@gmail.com.

O Aborto dos Outros

de Carla Gallo.

Documentário. Brasil, 2008. 72 min.

Ninguém é a favor do aborto, tampouco a mulher que se submete à prática. Talvez seja esta a principal mensagem do filme O Aborto dos Outros, da diretora Carla Gallo, que estreou no início de setembro em São Paulo.

Apresentado como “um filme sobre a maternidade, afetividade, intolerância e solidão”, o documentário traz depoimentos de mulheres que viveram a experiência do aborto, da adolescente engravidada por estupro à mãe que descobre a malformação do feto.

As filmagens ocorreram no Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher (Caism) da Unicamp e em mais três hospitais que prestam atendimento para casos previstos em lei, dentro do Programa de Aborto Legal: Hospital Pérola Byington, Unifesp e Hospital do Jabaquara, estes da Capital. “É um filme que precisa ser visto e comentado, cujo maior mérito está em abordar a problemática do aborto com foco nas mulheres. Ele é duro do ponto de vista emocional, mas mostra com serenidade e clareza que não se trata de uma experiência fácil, mesmo para a mulher opta pelo aborto”, diz o ginecologista e obstetra Ricardo Barini. Ele aparece no documentário realizando o ultrassom e depois a interrupção da gestação de um feto anencéfalo, autorizada por um juiz de Campinas.

"Não é um filme panfletário, longe disso. É uma proposta de discussão sobre um problema gigantesco da sociedade brasileira, que criminaliza o aborto, mas é um dos países com maiores índices nessa prática (1.200 mil por ano, segundo estimativas do ministério da saúde, 2007/ uma a cada 4 gestações é interrompida voluntariamente)", diz Carla Gallo, diretora do filme.

O filme será exibido aqui em Porto Alegre no Cine Santander Cultural, na 3ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul, no dia 25/10/2008, sábado, às 19 horas. Entrada Franca.

9 comentários:

MARIUS QUIRÓZ disse...

Desculpa minha ausência, a vida atribulada nos afasta de algumas atividades.

Lembrei de um deputado federal (não recordo o nome) que disse que não tinha condições de opinar sobre o aborto. "Somente uma mulher tem esse direito".

Bjos

Sonia Regly disse...

Carlinhaaaaaaaaa,
Esse blog é um show de informação, gostei!!! O meu Compartilhando está de cara nova, mudei para Wodpress, mas tô levando uma surra, pois é mais complicado para postar.Passe por lá e deixe seu parecer.Beijinhos fofinhos.

Geovana disse...

Muito legal, espero que chegue por aqui. Beijos e boa semana.

Carla Beatriz disse...

Marius,

Uma mulher não faz um bebê sozinha, por isso, se houver condições para isso, o pai do bebê também dever o direito a opinar. Pode ser que ela queira abortar o bebê, mas o pai queira criá-lo.
Devido às minhas crenças, eu não abortaria o bebê, mas o daria para adoção, se não quisesse ficar com ele.
Não sou a favor do aborto, mas sou a favor da descriminalização do aborto.

Carla Beatriz disse...

Sonia,

Já passei para visitar teu blog de cara nova, ficou muito bonito!

Se esses filmes passarem em sua cidade, aproveite para assistir, vale a pena!

Beijos

Carla Beatriz disse...

Geovana,

Quanto ao filme Parto Orgásmico não tenho informações se irá passar em Salvador.

Já o "O Aborto dos Outros" irá passar em Salvador na 3ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul, dia 12/10, domingo.


20h30 – Programa 1 (classificação indicativa: 12 anos)

O aborto dos outros, Carla Gallo (Brasil, 72 min, 2008, doc)

Local: Sala Walter da Silveira
Rua General Labatut, 27 – Barris
Fone: (71) 3116-8100

Beijos

malhad0 disse...

Boa noite, meu nome é Gabriel sou estudante de enfermagem e estou precisando com certa URGENCIA, um copia do video com legenda em portugues pois só consegui encontrar o mesmo em ingles sem legenda.

Algum site a indicar, link ...

Aguardo retorno!

Carla Beatriz disse...

Olá Gabriel,
o DVD do filme está à venda no site www.orgasmicbirth.com traz as legendas em Francês, Alemão, Espanhol e Português.
Um abraço,
Carla

brunabora disse...

Baixar o Documentário - Parto Orgásmico - http://goo.gl/Jq89h